Classe Virtual:

Data/Hora Atualizada

22 de novembro de 2013

4Trim2013_Lição 8: A mulher virtuosa



Lições Bíblicas do 4º Trimestre de 2013 - CPAD - Jovens e Adultos
Título: Sabedoria de Deus para uma vida vitoriosa — A atualidade de Provérbios e Eclesiastes
Comentarista: José Gonçalves
Consultor Doutrinário e Teológico da CPAD: Pr. Antonio Gilberto
Elaboração e pesquisa para a Escola Dominical da Igreja de Cristo no Brasil, Campina Grande-PB;
Postagem no Blog AUXÍLIO AO MESTRE: Francisco A Barbosa.

Lição 8: A mulher virtuosa
24 de novembro de 2013
Trimestre comemorativo ao quarto ano do Blog Auxílio ao Mestre

TEXTO ÁUREO
“Mulher virtuosa, quem a achará? O seu valor muito excede o de rubins” (Pv 31.10).

VERDADE PRÁTICA
O comportamento e a sabedoria de uma mulher são os únicos critérios capazes de a definirem como virtuosa

LEITURA BÍBLICA EM CLASSE
Provérbios 31.10-21,23-29.
10 - (Álef) Mulher virtuosa, quem a achará? O seu valor muito excede o de rubins.
11 - (Bete) O coração do seu marido está nela confiado, e a ela nenhuma fazenda faltará.
12 - (Guímel) Ela lhe faz bem e não mal, todos os dias da sua vida.
13 - (Dálete) Busca lã e linho e trabalha de boa vontade com as suas mãos.
14 - (Hê) É como o navio mercante: de longe traz o seu pão.
15 - (Vau) Ainda de noite, se levanta e dá mantimento à sua casa e a tarefa às suas servas.
16 - (Zain) Examina uma herdade e adquire-a; planta uma vinha com o fruto de suas mãos.
17 - (Hete) Cinge os lombos de força e fortalece os braços.
18 - (Tete) Prova e vê que é boa sua mercadoria; e a sua lâmpada não se apaga de noite.
19 - (Jode) Estende as mãos ao fuso, e as palmas das suas mãos pegam na roca.
20 - (Cafe) Abre a mão ao aflito; e ao necessitado estende as mãos.
21 - (Lâmede) Não temerá, por causa da neve, porque toda a sua casa anda forrada de roupa dobrada.
23 - (Nun) Conhece-se o seu marido nas portas, quando se assenta com os anciãos da terra.
24 - (Sâmeque) Faz panos de linho fino, e vende-os, e dá cintas aos mercadores.
25 - (Ain) A força e a glória são as suas vestes, e ri-se do dia futuro.
26 - (Pê) Abre a boca com sabedoria, e a lei da beneficência está na sua língua.
27 - (Tsadê) Olha pelo governo de sua casa e não come o pão da preguiça.
28 - (Cofe) Levantam-se seus filhos, e chamam-na bem-aventurada; como também seu marido, que a louva, dizendo:
29 - (Rexe) Muitas filhas agiram virtuosamente, mas tu a todas és superior.

OBJETIVOS

Após esta aula, o aluno deverá estar apto a:
          Conhecer a mulher virtuosa como esposa e mãe;
          Compreender a mulher virtuosa como trabalhadora e empreendedora, e
          Aprender com o testemunho da mulher virtuosa como serva de Deus.

PALAVRA-CHAVE
Virtuosa: Pessoa que possui e cultiva qualidade de virtude (moral, religiosa, social, etc). Valorosa, esforçada e afetiva.
COMENTÁRIO

introdução
A poesia de Provérbios 31 é uma das mais belas de toda a literatura universal. Este inspirado poema, além de mostrar o verdadeiro valor da mulher, evidencia as virtudes morais e espirituais que a fazem virtuosa. Tal mulher contrasta-se fortemente com a vil apresentada em Provérbios 11.22. Ao contrário da virtuosa, a vil é desprovida das virtudes. A formosura da mulher virtuosa é de natureza ética; a da vil é de caráter meramente estético. A mulher virtuosa prioriza os valores interiores e faz de Deus a fonte de tudo o quanto ela é e representa. Por isso, a mulher virtuosa é tida por honrada!. [Comentário:  Com esta lição, encerramos os estudos em Provérbios, estudando o que o sábio diz a respeito da mulher. Este texto descreve a esposa e mãe ideal. Toda sua vida converge para um reverente temor de Deus (v. 30), compaixão pelos necessitados (vv. 19,20) e dedicação e amor à sua família (v. 27). Certamente nem toda esposa e mãe tem todas as qualidades declaradas aqui. Mas toda esposa deve procurar servir a Deus, à sua família e ao próximo conforme os talentos e os recursos materiais que Deus lhe deu (Ef 5.22; 1Tm 2.15).]. Tenhamos todos uma excelente e abençoada aula!

I. A MULHER VIRTUOSA COMO ESPOSA
1. Tem a confiança e o respeito do marido. As bases do relacionamento conjugal são a confiança e o respeito mútuo, pois a fidelidade é um dos pilares do casamento. Onde impera a desconfiança e o desrespeito, o casamento está fadado ao fracasso. Acerca da mulher virtuosa, a Palavra de Deus é clara: “O coração do seu marido está nela confiado” (Pv 31.11). Além de significar “confiar”, a palavra hebraica batach também expressa as ideias de “sentir-se seguro” ou “estar despreocupado”. [Comentário:  O coração do seu marido está nela confiado, e a ela nenhuma fazenda faltará”. O texto do versículo 10 afirma que ela é mais preciosa que o ouro, excede a tudo que o seu marido possa desejar. É uma redundância hebraica bem conhecida, mas nem por isso menos apreciada. Efetivamente, uma mulher assim é difícil de ser encontrada, e o homem que a recebe acha uma fortuna. O coração do marido é um coração tranquilo, porquanto ela cuida de tudo e lhe dá muito ganho. Parece que o marido dessa mulher ocupava um lugar destacado junto às portas da cidade, onde eram decididos os assuntos menos graves entre o povo. Os maiores eram levados ao rei. Esse marido é estimado entre os juízes, pois uma mulher assim honra o seu marido em qualquer posição social. Era costume primitivo entre os orientais assentarem-se os homens de respeitabilidade à porta de entrada das cidades e ali eram decididas. queixas de uns contra os outros. Foi à porta da cidade que os anjos encontraram Ló (Gn 19.1).].
2. Tem a admiração e o reconhecimento do marido. Uma das formas de se demonstrar amor no casamento é reconhecer a importância e o valor do cônjuge. Esse reconhecimento deve ser expresso por atitudes e palavras. Enquanto os homens são movidos pelo que veem, as mulheres respondem melhor pelo que ouvem! Por isso é importante que o esposo elogie sua esposa sempre. Não adianta você dizer que as suas atitudes demonstram que você realmente a ama. É preciso declarar e falar que você a ama. Se a mulher de Provérbios 31 é virtuosa, o seu marido também o é. Ele expressa isso em palavras (v.29). Ele sabe que a sua esposa é virtuosa e não sente vergonha em dizer! O marido da mulher virtuosa deve tecer-lhe elogios tanto no lar quanto em público. Mas o homem que destrata sua esposa arruína o casamento e peca contra Deus (1Pe 3.7). [Comentário:  Não apenas o marido era feliz, mas todos os comensais da casa (v. 28). Uma mulher de coragem e dignidade, seus vestidos prediletos (v. 25). Ela não tinha preocupações com o dia de amanhã, porque antes providenciava tudo (v. 25). A sua fala era respeitada, visto como não usava de gírias nem de palavras vãs, mas de sabedoria, pelo que todos a admiravam. Não comia o pão da preguiça doméstica, como tantas mulheres dos nossos dias, que gastam o tempo andando acima e abaixo, negligenciando' as suas obrigações caseiras. Mesmo que se dê um desconto ao poeta admirável, ainda nos fica muito material para podermos escrever um romance sobre a mulher virtuosa de Pv 30.10. Seu marido a louva e sem regateios, pois quem teria mulher igual? Os filhos lhe chamam ditosa, o mais elevado elogio que uma boa mãe pode esperar dos seus filhos].
SINOPSE DO TÓPICO (I)
A mulher virtuosa, como esposa, tem a confiança, o respeito, a admiração e o reconhecimento do marido.

II. A MULHER VIRTUOSA COMO MÃE
1. É educadora. Em Provérbios 31.25, duas coisas são ditas a respeito da mulher virtuosa: “Força e dignidade são os seus vestidos [ARA]”. A palavra hebraica ‘oz, traduzida como força, é apresentada no texto bíblico com sentido literal e figurado. Figuradamente, descreve a segurança experimentada pelos justos (Sl 62.7; Pv 18.10). Por outro lado, o termo “dignidade”, do hebraico hadar, significa ornamento e honra. A poesia expõe os valores morais que a mulher virtuosa veste. Ela é segura, confiante e digna. Estes são os valores nos quais, como mãe, ela educará seus filhos. [Comentário:  Quando essa mulher piedosa fala, é sabia e bondosa, virtudes que se evidenciam não apenas no que ela diz, mas também no modo como ela diz. A mulher prudente, a mulher sábia é uma bênção do Senhor (Pv 19.14) e sua sabedoria contribuirá decisivamente para o bem-estar de toda a sociedade, visto que é ela quem edifica a sua casa (Pv 14.1). A mulher prudente, a mulher sábia, portanto, constrói um lar com qualidade, bem arrumando os materiais, bem escolhendo os materiais e tudo pondo em ordem, com zelo e dedicação e, como resultado disto, forma uma família que tem condições de ser base segura de toda uma sociedade. A mulher tola, ao contrário disso, destrói sua casa com suas próprias mãos (Pv 14.1)].
2. É afetuosa. Uma das grandes causas da delinquência juvenil pode ser encontrada na ausência de afetividade na infância. Se os filhos da mulher virtuosa “levantam-se [...] e chamam-na bem-aventurada” (Pv 31.28) é porque ela sempre lhes deu afeto e atenção. Afeto gera afeto! Infelizmente, muitos pais não demonstram carinho algum pelos filhos. A rispidez e os xingamentos estão presentes na “educação” deles! Como será o futuro dessas crianças que, diariamente, são tratadas dessa forma por seus pais? [Comentário:  O resultado de sua habilidade é que os relacionamentos familiares ficam solidificados. Os elogios de seu marido e de seus filhos são a sua grande recompensa. Não apenas o marido é feliz, mas todos os membros da casa (v. 28). A sua fala é respeitada, visto como não usa de gírias nem de palavras vãs, mas de sabedoria, pelo que todos a admiram. Não come o pão da preguiça doméstica, como tantas mulheres dos nossos dias, que gastam o tempo andando acima e abaixo, negligenciando as suas obrigações caseiras. Mesmo que se dê um desconto ao poeta admirável, ainda nos fica muito material para podermos escrever um romance sobre a mulher virtuosa de Pv 30.10. Seu marido a louva e sem regateios, pois quem teria mulher igual? Os filhos lhe chamam ditosa, o mais elevado elogio que uma boa mãe pode esperar dos seus filhos].

SINOPSE DO TÓPICO (II)
Na Bíblia, como mãe, a mulher virtuosa mostra-se educadora e afetuosa.

III. A MULHER VIRTUOSA COMO TRABALHADORA
1. É dona de casa. Foi realizada nos Estados Unidos, há algum tempo, uma pesquisa envolvendo altas executivas. A pesquisa queria saber o que as faziam sentir-se realizadas como mulher. O resultado foi surpreendente: a maioria respondeu que a sua maior realização estava em ser esposa, mãe e dona de casa. A mulher virtuosa ama os afazeres domésticos e tudo faz para cumprir com excelência a sua missão (v.27). Mas sempre que necessário, o marido pode ajudá-la nos afazeres domésticos. Dessa forma, estará demonstrando, na prática, a sua gratidão à esposa. A mulher virtuosa tem o seu trabalho devidamente reconhecido na Bíblia, e o mesmo reconhecimento deve ser dado pelo seu esposo. [Comentário:  Mas não há passagem mais bela no livro de Provérbios sobre a mulher que o “cântico da mulher virtuosa”, poema com que se encerra o próprio livro, escrito por Lemuel e que se encontra em Pv 31.10-31. O cântico da mulher virtuosa é um cântico alfabético, ou seja, trata-se de um poema em que cada verso se inicia com uma das letras do alfabeto hebraico, motivo pelo qual, na maior parte das traduções, aparece, antes de cada verso, a letra hebraica correspondente. Ao cantar a mulher virtuosa em cada letra do alfabeto hebraico, o rei poeta está a nos mostrar que a mulher virtuosa é a pura expressão de uma comunhão com Deus, é uma personagem que exsurge da sua comunhão com o Senhor, é Sua imagem e semelhança sobre a face da Terra. Salomão já anunciara que “a mulher virtuosa é a coroa do seu marido...” (Pv 12.4). Esta personagem que é louvada é chamada de “mulher virtuosa”, expressão traduzida na Nova Visão Internacional como “esposa exemplar” ou “mulher de valor” na Bíblia de Jerusalém. A palavra hebraica é “chayil” ( חיל ), cujo significado é de “forte”. Como explicam os comentaristas da Bíblia de Jerusalém: “…a expressão hebraica que o grego e a Vulgata traduzem literalmente por ‘mulher forte’ evoca ao mesmo tempo a eficiência e a virtude. É a perfeita dona-de-casa.” (com. Pv.31:1, nota h, p.1068).].
2. É empreendedora. A missão da mulher moderna é bem complexa: esposa, mãe, dona de casa, trabalhadora e empreendedora. Além das tarefas domésticas, muitas vezes precisa trabalhar fora para complementar a renda da família, tendo uma jornada de trabalho repleta de atividades. Nesse aspecto, o esposo sábio pode contribuir auxiliando a esposa em suas atividades. Se a esposa trabalha fora para ajudar o marido, ele também pode auxiliar em algumas tarefas dentro de casa, inclusive honrando-a com alguns momentos em que ela poderá descansar. [Comentário:  A Bíblia também revela que a mulher virtuosa é dada ao trabalho, não é preguiçosa. Os versículos citados, a maior parte do texto, narra os passos e realizações dessa mulher dedicada, esforçada e trabalhadeira. Mais que isso, independente dos dons de cada pessoa, da história e formação que são individuais, vemos nesses versículos a expressão da força de vontade, vontade de vencer, sabedoria para solucionar problemas, zelo com o lar, esforço para fazer as coisas acontecerem. A mulher virtuosa é uma mulher bem resolvida, uma mulher de atitudes. Vivemos dias difíceis e ao mesmo tempo de muitas oportunidades. Prova disso é que as mulheres têm alcançado postos no mercado de trabalho como jamais se viu no passado. E apesar das estatísticas que provam que as mulheres continuam sendo desvalorizadas, temos visto como muitas mulheres são capazes e comprometidas em tudo que fazem. Muitas vezes essas mulheres virtuosas deixam muitos homens “no chinelo”, superando-os em suas expectativas. No texto bíblico vemos o retrato de uma mulher que levanta cedo para trabalhar (vs.15), ela ajuda seu marido, não deixa faltar nada em casa (vs.21-22), sabe administrar os bens (vs.16), não come o “pão da preguiça” (vs.27). Como é bonito e gratificante ver isso na realidade de tantos lares onde se destaca a figura de uma mulher virtuosa. Ela cuida do lar, dos filhos e ainda ajuda o seu marido, seja levantando o sustento do lar ou ajudando-o na administração da casa. Há lares em que a mulher tem que fazer o papel de mãe a pai ao mesmo tempo, devido à ausência do marido, seja por motivo de morte, ou viagem, etc. Infelizmente em muitos casos a ausência do marido é moral e espiritual. A mulher virtuosa não se deixa abater e faz seguir em frente o curso do lar. A mulher virtuosa não entrega os pontos! Pode enfrentar grande dificuldade, mas não perde o rumo, não desiste nunca, e por isso, no lar em que há uma mulher virtuosa sempre há uma saída para as dificuldades que possam surgir. Como se fosse possível, ela sabe “tirar leite da rocha”. Quando todos pensam que não tem mais jeito ela arranja algo para fazer e levantar um dinheirinho em casa. Não se deve interpretar o texto de Provérbios como se todas as mulheres tivessem que se idênticas à essa mulher citada. Cada pessoa tem seus talentos, dons e capacidades naturais. Mas o que toda mulher virtuosa tem em comum é essa gana, essa vontade de vencer, essa força interior que a move, e move os que estão ao seu redor, em direção de um futuro melhor. Ela tem sabedoria, e está sempre pensando em sua casa, nas necessidades de seu lar! Na casa dela não há lugar para bagunça, sujeira, roupa rasgada, mal passada, descosturada; antes, ela é zelosa com o seu lar. Ela “não deixa a peteca cair” de jeito nenhum, não fica choramingando, mas faz acontecer. Tem sempre um ideal, é otimista apesar de suas dificuldades e sofrimentos(http://www.ipbvilagerti.org.br/a-mulher-virtuosa/).].

SINOPSE DO TÓPICO (III)
A mulher virtuosa além de cuidar da tarefa doméstica, se mostra empreendedora.

IV. A MULHER VIRTUOSA COMO SERVA DE DEUS
1. Dá um bom testemunho. Em Provérbios 14.1, há um forte contraste entre duas mulheres: a sábia e a tola. Esta, por sua conduta, destrói o seu lar. Mas aquela, através de seu bom testemunho, edifica a sua casa. Muitos são os casamentos fracassados e desfeitos devido à falta de sabedoria, prudência e sensatez de algumas mulheres. O marido da mulher tola pode ser considerado como um homem sofredor e infeliz. Mas o esposo da mulher virtuosa é estimado entre as autoridades e honrado “quando se assenta com os anciãos da terra” (Pv 31.23). [Comentário:  A mulher virtuosa, enquanto cuida da estética (aparência) e da auto-estima (valor próprio), não descuida de sua essência, de “ser” segundo o espelho da palavra, para que “sendo”, tenha o louvor e o respeito que lhe é devido: Assim também você, esposa, deve obedecer ao seu marido a fim de que, se ele não crê na mensagem de Deus, seja levado a crer pelo modo de você agir. Não será preciso dizer nada porque ele verá como a conduta de você é honesta e respeitosa. Não procure ficar bonita usando enfeites, penteados exagerados, jóias ou vestidos caros. Pelo contrário, a beleza de você deve estar no coração, pois ela não se perde; ela é a beleza de um espírito calmo e delicado, que tem muito valor para Deus. Porque era assim que costumavam se enfeitar as mulheres do passado, as mulheres que eram dedicadas a Deus e que punham a sua esperança nele. Elas eram obedientes ao seu marido. 3.6   Sara foi assim; ela obedecia a Abraão e o chamava de “meu senhor”. Você será agora sua filha se praticar o bem e não tiver medo de nada. (1 Pe 3.1-6, NTLH). Em tempos em que parecer vale mais do que o ser, o cuidado com a beleza interior não deve ser negligenciado pela mulher de Deus].
2. É temente a Deus. Tudo o que é testemunhado acerca da mulher virtuosa só é possível porque ela teme ao Senhor (Pv 31.30). O temor a Deus faz dela uma mulher estimada dentro e fora do lar (Pv 1.7). [Comentário:  O texto sagrado termina dizendo que a mulher virtuosa é temente a Deus. Certamente essa virtude ficou por último como um modo de se explicar de onde vem tanta virtuosidade. Vem do temor que essa mulher tem em Deus, ela é uma mulher que teme ao Senhor. Não se trata de medo e fobia psicótica, mas de um respeito santo àquEle que tudo vê, tudo sabe e tudo pode fazer. As virtudes de uma mulher temente a Deus são como pérolas valiosas. Observemos uma concha. Ela é bonita, mas o seu verdadeiro valor está dentro dela. Existem muitas conchas no mundo, mas são poucas as que trazem o valor precioso que é a pérola! A pérola que está dentro da concha é que vale infinitamente mais, não importando o tamanho, a beleza e a cor da concha. Pudor e Modéstia são os enfeites dessa mulher. Precisamos examinar os motivos e objetivos do modo como nos vestimos. Qual é a sua intenção, mostrar graça e beleza de sua feminilidade? ou chamar atenção para si própria, ostentando beleza ou riqueza? Seduzir os homens? O que as pessoas que nos olham podem ver e querer  para elas? Uma mulher que adora a Deus, considera cuidadosamente o modo como está vestida, porque seu coração com certeza ditará seu guarda-roupa! Você no seu modo de se vestir e de se adornar estará procurando agradar a Deus ou aos homens. De quem  você espera aprovação? No contexto bíblico também havia os que priorizavam o exterior, em detrimento das virtudes morais. No entanto, Deus diz: “Enganosa é a graça, e vã, a formosura, mas a mulher que teme ao SENHOR, essa será louvada.” (Pv 31.30). Nesse nosso tempo, onde há um verdadeiro culto do corpo (narcisismo), e onde a busca do prazer (hedonismo) tem sido tão priorizada, é natural que a beleza física seja colocada em um patamar muito mais elevado do que a beleza interior. É natural que a mulher seja tida apenas como um objeto de prazer. E se isso tudo se torna tão natural e comum, nada mais normal que as próprias mulheres se sentirem bem assim, como meros objetos. A honra e a dignidade são virtudes que muitas pessoas não só não conhecem, mas desprezam e rejeitam abertamente. Quantas pessoas perderam de vista a honra e a dignidade, ou talvez jamais souberam o que é isso. A mulher virtuosa, entretanto, é diferente, pois ela é digna e honrada. O vs.25 nos diz que ela se veste de dignidade (honra) e força. A sua dignidade é notória até em suas vestes; e isso faz dela uma mulher forte, e não fraca. Ela vence as tentações porque é forte, e o que nutre sua força é sua honra e dignidade. Não se trata de ser cafona ou brega, mas digna! A mulher virtuosa se cuida, se embeleza, não é relaxada ou desleixada, mas sabe discernir os limites, não cultua a si mesma e nem quer parecer atraente, ou sexy. Para muitos, o conceito de beleza está ligado diretamente à sensualidade, e por isso há tanta vulgaridade no mundo atual. Mas a mulher virtuosa sabe se cuidar mantendo sua honra e respeito, e a sua maior beleza é justamente a honra, o respeito e a dignidade (http://www.ipbvilagerti.org.br/a-mulher-virtuosa/).].

SINOPSE DO TÓPICO (IV)
Como serva de Deus, a mulher virtuosa é temente ao Altíssimo e dá bom testemunho.

CONCLUSÃO

Em um mundo onde os valores estéticos são mais importantes do que os éticos, as virtudes acabam sendo ignoradas. Tal inversão de valores produz consequências danosas à sociedade e principalmente à família. Mas a mulher virtuosa preserva o seu lar através de suas singulares virtudes espirituais e morais. Por isso, ela é honrada por todos. Que as servas do Senhor passem a cultivar com mais zelo as virtudes que a Bíblia expõe de maneira tão bela e clara em Provérbios 31. [Comentário:  O resultado de uma vida cristã coerente é sentido em todos os lugares por onde essa mulher virtuosa anda. Mas especialmente o texto destaca o lar. Seus filhos lhe chama “ditosa”, isto é, feliz, venturosa, afortunada. Seu marido a “louva”, isto é, a elogia dizendo: “Muitas mulheres procedem virtuosamente, mas tu a todas sobrepujas.” (vs.29). Qual mulher não gostaria de ouvir isso de seus filhos e marido? Mas ainda temos o vs.31 que termina dizendo ainda duas riquezas: “Dai-lhe do fruto das suas mãos, e de público a louvarão as suas obras.” Essa mulher virtuosa é recompensada com o fruto de suas mãos, e suas obras falam dela publicamente, trazendo sobre ela toda honra que ela. Todos veem que ela é virtuosa, não há necessidade de esforçar-se para ser notada, sua vida fala mais alto que qualquer coisa. Que Deus abençoe todas as mulheres cristãs, hoje e sempre, em nome de Jesus, amém!].
NaquEle que me garante: "Pela graça sois salvos, por meio da fé, e isto não vem de vós, é dom de Deus" (Ef 2.8),

Graça e Paz a todos que estão em Cristo!

Francisco de Assis Barbosa
Cor mio tibi offero, Domine, prompte et sincere
Meu coração te ofereço, Senhor, pronto e sincero (Calvino)

Campina Grande-PB
Novembro de 2013.

VOCABULÁRIO
Versus: Contra; em comparação com; em relação a; alternativamente a.
Estigmatizado: Que ou aquele que se estigmatizou; marcado ou cicatrizado de uma ferida.
Sócio-Histórico: Relativo aos fatos ou circunstâncias sociais que fazem a história de uma sociedade.
Audazes: Quem realiza ações difíceis, afronta obstáculos e situações difíceis.
Exuberância: Fartura ou superabundância.
EXERCÍCIOS
1. Quais são as bases do relacionamento conjugal?
R. São a confiança e o respeito mútuo.
2. De acordo com Provérbios 31.25 duas coisas são ditas a respeito da mulher virtuosa. O que são?
R. “Força e dignidade são os seus vestidos”.
3. Como o esposo pode ajudar a esposa que trabalha fora?
R. Se a esposa trabalha fora para ajudar o marido, ele também pode auxiliar em algumas tarefas dentro de casa, honrando-a com alguns momentos em que ela poderá descansar.
4. Qual o forte contraste presente em Provérbios 14.1? Explique.
R. A sábia e a tola. Esta, por sua conduta, destrói o seu lar. Mas aquela, através do seu testemunho, edifica a sua casa.
5. Você é uma mulher virtuosa? E você marido, é virtuoso?
R. Resposta pessoal.

NOTAS BIBLIOGRÁFICAS
OBRAS CONSULTADAS:
-. Lições Bíblicas do 3º Trimestre de 2013 - CPAD - Jovens e Adultos; Comentarista: Pr. Elienai Cabral; CPAD;
-. Bíblia de Estudo Pentecostal – BEP (Digital);
-. Bíblia de Estudo Plenitude, Barueri, SP; SBB 2001, Dinâmica do Reino – Confissão de Fé; p. 1239;
 -. Bíblia de Estudo Defesa da Fé: Questões reais; Respostas precisas; Fé Solidificada. 1 ed., RJ: CPAD, 2010.
-.
HENRY, M. Comentário Bíblico Antigo TestamentoJó a Cantares de Salomão. 1 ed., RJ: CPAD, 2010.
-. HUGUES, B. Disciplinas da Mulher Cristã. 1 ed., RJ: CPAD, 2005.


Autorizo a todos que quiserem fazer uso dos subsídios colocados neste Blog. Solicito, tão somente, que indiquem a fonte e não modifiquem o seu conteúdo. Agradeceria, igualmente, a gentileza de um e-mail indicando qual o texto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário